Tecnologias de Energia

Apresentação

A Licenciatura em Tecnologias de Energia (LTE) encontra-se organizada em 180 créditos ECTS. À semelhança de cursos com objetivos similares lecionados em Instituições de Ensino Superior dentro do espaço Europeu, o curso funciona no regime semestral estando prevista a realização 30 créditos ECTS em cada semestre com o funcionamento simultâneo de 5 unidades curriculares. A elevada componente laboratorial na organização do curso assegura ao estudante a aplicação de conhecimentos e de saberes adquiridos às atividades concretas do respetivo perfil profissional.

Objetivos

A Licenciatura de Tecnologias de Energia tem por objetivo a formação de técnicos superiores na área de energia com uma sólida formação de base nessa mesma área. Verifica-se atualmente um grande desenvolvimento no sector da energia, em particular nas renováveis, que exige um número crescente de profissionais devidamente qualificados e a que o curso procura dar resposta.

Plano de estudos

Plano de Estudos em vigor

Acreditação

Estado: Acreditada
6 anos de acreditação
Consulte aqui: 
Proposta de curso
Acreditação A3ES

Saídas profissionais

Os detentores de um diploma de licenciatura em Tecnologias de Energia serão responsáveis pela supervisão, orientação e coordenação de técnicos ou equipas de técnicos das seguintes áreas: instalações elétricas, refrigeração e climatização, sistemas solares (térmicos e fotovoltaicos), sistemas eólicos.

Razões para a escolha do curso

  • Pelo facto do curso ter uma sólida formação técnico-científica numa área como a da Energia, em que existe uma elevada procura de profissionais
  • Por contemplar um estágio que permite uma rápida inserção no mercado de trabalho
  • Pelo facto de conferir competências abrangentes numa área de grande desenvolvimento futuro
  • Pelo elevado nível de qualificação do corpo docente
  • Pela forte componente laboratorial do curso e pela qualidade das infraestruturas da ESTSetúbal/IPS

Duração e total de créditos ECTS

3 anos | 180 ECTS

Coordenação do curso

Professor Doutor Paulo Miguel Marques Fontes | paulo.fontes@estsetubal.ips.pt

Comissão de Acompanhamento e Avaliação do Curso de Licenciatura em Tecnologias de Energia

Despacho de publicação em Diário da República

Propina anual

Pode ser paga em dez prestações:  consulte regulamentação de propinas

Número de vagas

Consultar despacho aqui

Condições de acesso e ingresso

Regime Geral | Concurso Nacional de Acesso

Condição de acesso: 12º ano ou habilitação legalmente equivalente
Provas de ingresso: (02) Biologia e Geologia ou (07) Física e Química ou (16) Matemática
Fórmula da nota de candidatura: notas do Ensino Secundário (65%) e da Prova Ingresso (35%)
Classificação mínima: 100 (cem) para a Nota de Candidatura | 95 (noventa e cinco) para a Nota da Prova de Ingresso
Preferências regionais: 40% vagas, para os alunos oriundos dos Distritos de Beja, Setúbal, Lisboa, Évora, Açores e Madeira

Consulte aqui as condições de acesso específicas para o Regime Geral

Maiores de 23

Consulte aqui as condições de acesso específicas para o Regime de M23

Regimes Especiais

Consulte aqui as condições de acesso a Concursos Especiais, Mudança de Par Instituição/Curso e Reingresso

Pré-requisitos

Não aplicável.

Outra informação

Empregabilidade

Brevemente disponível

Relatórios

Relatório de monitorização 2015-2016