Docente da ESTSetúbal distinguido em Conferência Internacional

Docente do IPS distinguido em conferência internacional sobre ensino superior e gestão

Rodrigo Lourenço (ESTSetúbal/IPS) recebe Best Presentation Award em Barcelona

 

O docente Rodrigo Teixeira Lourenço, da Escola Superior de Tecnologia de Setúbal do Instituto Politécnico de Setúbal (ESTSetúbal/IPS), foi recentemente distinguido, no âmbito da 19.ª Conferência Internacional sobre Ensino Superior e Gestão (ICHEM), em Barcelona, com o prémio Best Presentation Award, pela sua exposição sobre a temática da atual estrutura de governação interna das instituições de ensino superior públicas portuguesas, decorrente do regime jurídico (RJIES) publicado em 2007.

  • encontro, sob organização da World Academy of Science, Engineering and Technology (WASET), reuniu mais uma vez, entre os últimos dias 14 e 15 de dezembro, cientistas, académicos, líderes e investigadores para uma partilha alargada de experiências e resultados dos estudos que vêm sendo desenvolvidos das várias áreas do ensino superior e da gestão. A ICHEM – International Conference on Higher Education and Management procura também ser uma plataforma interdisciplinar privilegiada para apresentar e discutir inovações, tendências e preocupações mais prementes, bem como os desafios práticos e respetivas soluções adotadas nos domínios do ensino superior e da gestão.

Neste contexto, o professor da ESTSetúbal/IPS chamou a atenção dos presentes com uma apresentação sobre o tema “O papel dos conselhos gerais na supervisão do desempenho organizacional das instituições de ensino superior”. Segundo Rodrigo Teixeira Lourenço, um dos autores do artigo, a par de Margarida Mano, o artigo premiado aborda em concreto estes órgãos de gestão no que toca à sua composição, que “permite dar resposta às preocupações dos diferentes stakeholders, internos, externos e estudantes, estes últimos a assumirem, simultaneamente, uma característica interna e externa”.

O estudo apresentado em Barcelona trata igualmente as problemáticas associadas à necessidade de as instituições de ensino superior se relacionarem com a sociedade e de definirem uma estratégia diferenciadora no seio da sua rede de pares, ambos “fatores decisivos para a sua sustentabilidade”, prossegue o investigador. Estas duas questões têm, por sua vez, impacto, quer na própria composição do Conselho Geral, quer na atividade concreta de supervisão do desempenho organizacional, “na medida em que este não depende apenas das metas internas estabelecidas, mas também da capacidade de dar resposta às necessidades da sociedade”, conclui Rodrigo Teixeira Lourenço.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas Notícias


TGI - Inscrições nas Turmas (2º Trimestre)

terça-feira, 9 de Janeiro de 2018

Exposição: Bandas Sonoras

quinta-feira, 12 de Outubro de 2017

Início do Ano Letivo 2017/18

segunda-feira, 2 de Outubro de 2017

Inscrições nas turmas e horários - 2017/18

sexta-feira, 29 de Setembro de 2017

ESTSetúbal vence o 1º lugar do 14º Poliempreende

quinta-feira, 14 de Setembro de 2017

Prova Pública de Mestrado em Energia | 24 jul'17

quinta-feira, 20 de Julho de 2017